QAnon – Seita e banalização cultural das Teorias das Conspiração pela extrema-direita !

q anon seita teorias conspiracao extrema direita

 

O grupo de teoria da conspiração conhecido como QAnon cresceu em popularidade em conjunto com a ascensão da extrema direita no poder nos EUA, no Brasil e em diversas partes do mundo.

Nos EUA se espalharam em fóruns de mensagens na Internet para plataformas convencionais e se tornou uma questão política, e em 6 de janeiro (2021), seus adeptos estavam entre os membros mais proeminentes da multidão de apoiadores do ex-presidente Donald Trump que invadiram o Capitólio dos EUA em Washington.

No Brasil não assumiram uma identidade sistematica (QAnon), más englobaram os mesmo métodos, literaturas distorcidas e pseudo-religiosas.

O que é QAnon?

QAnon é uma rede de extrema direita, vagamente organizada e comunidade de crentes que abraçam uma variedade de crenças infundadas. Esses pontos de vista centram-se na ideia de que uma conspiração de pedófilos adoradores de Satanás e uma elite mundial de esquerda (Comunista) – consistindo principalmente do que eles vêem como democratas elitistas, políticos, jornalistas, magnatas do entretenimento e outras figuras institucionais – há muito controlam grande parte do chamado governo estadual profundo, que eles dizem que procuraram minar Trump, principalmente com a ajuda da mídia e meios de entretenimento.

Quem é “Q”?

Os seguidores acreditam que “Q” é um funcionário de alto escalão do governo, presumivelmente com histórico militar ou de inteligência, empenhado em expor a verdade oculta do que eles veem como uma burocracia internacional tramando contra Trump e seus apoiadores. Alguns seguidores acreditam que “Q” freqüentemente envia sinais codificados sobre sua existência, usando o número 17 – a localização da letra Q no alfabeto.

Postagens online em torno das teorias da conspiração QAnon geralmente descrevem “Q” como um patriota ou santo.

Seus tentáculos

No Brasil não assumiram uma identidade sistematica (QAnon), más englobaram os mesmo métodos, literaturas distorcidas e pseudo-religiosas.

Onde e como o QAnon começou?

Em outubro de 2017, mensagens no quadro de mensagens online anônimas do 4chan atribuídas a “Q Clearance Patriot” foram postadas e assinadas por um usuário identificado como “Q”, referindo-se ao nível mais alto de autorização de segurança do Departamento de Energia para armas nucleares, ou “Q autorização. ” Essas mensagens enigmáticas seriam mais tarde chamadas de “gotas Q” ou “migalhas de pão”, código supostamente clandestino que muitas vezes chegava aos slogans e mensagens pró-Trump e era repetido pelos seguidores.

No ano anterior, um homem armado com um rifle de assalto disparou um ou mais tiros dentro do Comet Ping Pong, uma pizzaria em Washington, DC, e mais tarde foi preso. Antes do tiroteio, os apoiadores de Trump e os supremacistas brancos nas redes sociais espalharam uma falsa teoria da conspiração afirmando que Hillary Clinton e seu ex-presidente de campanha, John Podesta, administravam uma rede de sexo infantil no porão de uma pizzaria. (O Cometa Ping Pong não tinha porão.) O tiroteio foi considerado um precursor do QAnon.

Seguidores de um grupo de direita que acredita que o ex-presidente Donald Trump foi atacado por adoradores de Satanás estavam entre a multidão que invadiu o Capitólio

Militantes da QAnon pro Trump no EUA
Um apoiador do QAnon participou de um comício pró-polícia no Brooklyn, NY, no início de agosto.

Qual é a teoria da conspiração QAnon?

A teoria da conspiração QAnon alega que há uma batalha entre o bem e o mal na qual o republicano Trump é aliado em conjunto com outros políticos direitistas como Bolsonaro. Os seguidores de QAnon estão esperando dois eventos principais: a Tempestade e o Grande Despertar.

A tempestade é a prisão em massa de pessoas em posições de alto poder que enfrentarão um acerto de contas há muito aguardado. O Grande Despertar envolve um único evento no qual todos atingirão a epifania de que a teoria QAnon estava correta o tempo todo. Essa compreensão permitirá que a sociedade entre na era da utopia

Qual foi a reação à posse do presidente Biden?

Os painéis de mensagens QAnon iluminaram-se durante a inauguração com mensagens contraditórias.

Muitas pessoas que estavam antecipando o Grande Despertar ficaram desapontadas quando ele não aconteceu. Alguns lutaram para saber o que fazer com a nova administração.

Mas outros como Ron Watkins, um proeminente apoiador do QAnon, pareciam prontos para seguir em frente.

Demos tudo de nós”, escreveu Watkins no Telegram. “Agora precisamos manter o queixo para cima e voltar para nossas vidas da melhor maneira [como] podemos. Temos um novo presidente empossado e é nossa responsabilidade como cidadãos respeitar a Constituição. Ao entrarmos na próxima administração, por favor, lembrem-se de todos os amigos e lembranças felizes que fizemos juntos nos últimos anos.

Que papel QAnon e seus adeptos desempenharam no ataque ao Capitólio?

QAnon e seus adeptos foram fundamentais no esforço de Trump para derrubar a eleição de novembro, que ele perdeu decisivamente. Em novembro, Sidney Powell, um ex-promotor federal que representava Trump, disse na Fox Business que ela “soltaria o kraken“, uma referência a uma poderosa fera mítica, ao apresentar evidências públicas de fraude eleitoral generalizada. Nem a Sra. Powell nem qualquer um dos apoiadores de Trump o fizeram, mas os apoiadores do QAnon adotaram a frase como um grito de guerra.

Vestuário de QAnon era predominante em toda a multidão no Capitol e em torno dele. Durante o ataque ao Capitólio, uma das primeiras pessoas a subir as escadas que conduziam à câmara do Senado era um homem que usava uma camiseta da QAnon.

Quem é Jake Angeli?

Jacob Anthony Chansley na invasao ao captólio
Militante QAnon Jacob Anthony Chansley na invasao ao captólio

Jake Angeli, um adepto do QAnon, chegou à câmara do Senado dentro do Capitólio em 6 de janeiro.

Jacob Anthony Chansley, um adepto do QAnon, também conhecido como Jake Angeli, estava entre os membros mais visíveis da multidão que invadiu o Capitólio, chegando à câmara do Senado e ocupando brevemente a cadeira recém-deixada pelo vice-presidente Mike Pence, de acordo com as fotos tiradas no local . O Sr. Chansley estava sem camisa e usando seu chapéu de pele de marca registrada e chifres de bisão, suas tatuagens em exibição.

Nascido no Arizona, Chansley defende os pontos de vista da QAnon, fora do Capitólio do Arizona desde pelo menos 2019, de acordo com o jornal Arizona Republic. Ele costumava carregar uma placa com os dizeres: “Q me enviou”.

A bola de neve está rolando e só está ficando maior”, disse Chansley ao jornal em fevereiro do lado de fora de um comício de Trump em Phoenix. “Nós somos o mainstream agora.

Chansley foi preso em 9 de janeiro por acusações federais relacionadas à invasão do prédio do Capitólio. O investigador da Polícia do Capitólio observou em documentos judiciais que depois de ver as fotos da mídia de notícias do ataque ao Capitólio, ele identificou o Sr. Chansley em parte com base em seu “traje único e extensas tatuagens”.

Quem é Marjorie Taylor Greene?

Deputada Trumpista Marjorie Greene militante QAnon
Deputada Trumpista Marjorie Greene militante QAnon

A deputada Marjorie Taylor Greene, uma republicana caloura da Geórgia, é uma leal a Trump que no passado abraçou a teoria da conspiração QAnon e fez comentários venenosos sobre os muçulmanos e outros grupos. Ela também lançou dúvidas sobre se alguns tiroteios em escolas realmente aconteceram e questionou se um avião colidiu com o Pentágono em 11 de setembro de 2001. Ela falou em um comício “Stop the Steal” um dia antes do ataque de 6 de janeiro no Capitólio. disse que Trump não tem responsabilidade pelo motim e protestou contra as regras que exigem que os membros do Congresso usem máscaras no complexo do Capitólio.

A Sra. Greene se distanciou do QAnon antes de ganhar a eleição em novembro e, em um discurso no plenário da Câmara em 4 de fevereiro, disse que lamentava as postagens nas redes sociais que escreveu sobre o QAnon.

A Sra. Greene foi condenada por legisladores de ambos os lados do corredor, incluindo o líder republicano do Senado, Mitch McConnell. Em 4 de fevereiro, a Câmara votou 230-199 para tirar Greene de suas atribuições no comitê, com 11 republicanos apoiando os democratas. A mudança diminuirá a capacidade da Sra. Greene de moldar a legislação e trabalhar com outros legisladores, deixando-a de lado apenas algumas semanas em seu primeiro mandato.

A Invasão do Capitólio pela QAnon

Invasao do capitolio nos EUA em ato terrorista pela QAnon
Invasao do capitolio nos EUA em ato terrorista pela QAnon

Um exercício do Congresso na transferência pacífica de poder transformou-se em um caos mortal quando uma multidão pró-Trump invadiu o Capitólio. Horas depois dos tumultos, quando o Congresso se reuniu novamente e certificou a vitória do presidente eleito Joe Biden.

Quão popular é o QAnon?

Uma nova análise descobriu que grupos que perpetuam a teoria da conspiração QAnon aumentaram em popularidade no Facebook e Instagram desde o início da pandemia de coronavírus, à medida que mais pessoas passam mais tempo em casa e na frente das telas. Um grupo do Facebook conhecido como “QAnon News & Updates-Intel drops, breadcrumbs & the war against the Cabalaumentou seu número de membros em mais de 10 vezes de 1º de janeiro a 1º de agosto deste ano.

O que o Facebook, YouTube, Twitter e Amazon estão fazendo para lidar com a QAnon?

O Twitter Inc. disse em 11 de janeiro que removeu mais de 70.000 contas que divulgavam a teoria da conspiração QAnon.

A Amazon.com Inc. também disse que estava removendo alguns produtos relacionados à conspiração QAnon, que foi rotulada pelo Federal Bureau of Investigation como uma ameaça terrorista doméstica.

O Facebook disse no início de outubro que removeria mais grupos e páginas dedicadas ao QAnon. A mudança se baseia nos esforços da empresa de mídia social anunciados em agosto para remover as páginas e grupos do QAnon que incluíam discussões sobre violência potencial. A empresa agora irá banir todas as páginas ou grupos dedicados ao QAnon no Facebook, bem como contas do Instagram com foco no conteúdo do QAnon. A nova política não proíbe indivíduos de postar sobre o movimento.

Em meados de outubro, o YouTube tomou medidas contra a QAnon, banindo vídeos que apelam à violência . O YouTube, uma unidade do Google, disse em uma postagem de blog que iria “proibir imediatamente o conteúdo que vise um indivíduo ou grupo com teorias da conspiração que foram usadas para justificar a violência no mundo real”. O desenvolvimento coloca o Google e a empresa controladora Alphabet Inc. ainda mais em uma área que o conglomerado tem procurado evitar: a remoção total de conteúdo.

O quanto a QAnon é perigosa?

Um memorando que o FBI divulgou em maio identificou a QAnon como uma potencial ameaça de terrorismo doméstico, citando pelo menos dois incidentes que conectavam a QAnon ao planejamento e execução de atos violentos.

* O atentado de Nashville (2020)

Anthony Warner, 63, foi o responsável pela explosão de um trailer no centro de Nashville em 25 de dezembro (2020) nos EUA, ferindo pelo menos três pessoas e danificando pelo menos 41 prédios, muitos deles históricos. Warner morreu na explosão.

Segundo o FBI ele havia a tempos enviado pacotes com informações sobre suas teses conspiracionistas; que envolviam reptilianos, internet 5G, cancer fabricado, coronavirus e outras.

O suspeito do atentado de Nashville teria enviado pacotes para pessoas em todo o país contendo teorias da conspiração tipifica da Qanon sobre 11 de setembro e o povo lagarto, disse o FBI.

Crente QAnon responsavel pelo atentado de Nashville
Aglomerado de imóveis históricos em Nashville atingido pela explosão

https://www.insider.com/nashville-bombing-suspect-sent-packages-conspiracy-theories-across-country-fbi-2021-1

* Pai mata filhos reptilianos

Em Santa Bárbara (Mexico) Matthew Coleman foi acusado de assassinar seus dois filhos porque pensava que eles tinham “DNA de serpente“.

Nos autos do tribunal, agentes do FBI disseram que Matthew Coleman confessou o crime, porque pensava que estava salvando o mundo de monstros.

Matthew Coleman mata filhos por teorias reptilianas QAnon
Matthew Coleman ao lado da esposa e com seus dois filhos

https://www.cbs8.com/article/news/local/father-charged-with-murdering-kids-may-have-believed-lizard-people/509-309c60f3-02d3-49f0-931f-56bcd2d37e46

A doença ideológica terrorista também no Brasil   

QAnon no Brasil e seus ativista bolsonaristas extremistas
QAnon no Brasil e seus ativista bolsonaristas extremistas

No Brasil não é diferente em questões morais ideológicas ao que se tem ocorrido com a ascensão do bolsonarismo até antes do golpe de 2016.

Extremistas alimentados pela idéia de quê a Nova Ordem Mundial é de esquerda, tendo seu lider político como uma espécie de heroi, enviado por Deus, também pelas seitas protestantes que neste contexto se fizeram apoiadoras, com integrantes de diversas outras camadas religiosas como espíritas, adéptos da Nova Era, de religiões de origens afros, católicos e outras.

Uma diversidade religiosa extremista também é alimentada pelas teorias conspiratórias, distorcidas em todos seus contextos racionais, sempre aludindo ao suposto mal universal comunista.

Como por exemplo o ex-deputado Daniel Silveira, a ativista Sara Winther, Roberto Jeferson, Zé Trovão e outros, que como radicalistas destes movimentos e incentivadores para atos extremistas, passaram a agir de formas teorristas, ameaçando pessoas e instituições.

Conclusão:

Nosso blog é um defensor ferrenho sobre teorias das conspirações, más sempre levando a idéia de absorvição cultural de forma racional.

Jesus dizia que porcos não são dignos de pérolas, e com isso deixamos em vigencia, que nem todos possuem consciencias libertarias e morais para teren acesso a tais certas informações. Más deixando em evidencia as liberdades culturais que temos hoje, em partes, essas liberdade acabam oferencendo um perigo de certo modo, e ainda mais amplificado, quando sistemas corruptos se aproveitam destas circunstancias para enganar e manipular e produzir o mal para seus fins totalmentes pessoais, más que são claramente combatidos por uma sociedade progressas em leis vigentes, fora do tempo destas oligarquias que só conseguem reinarem no passado retrocesso da humanidade e ignorancia.

Leiam mais:

Trump, abordando a conspiração de extrema-direita QAnon, elogia seus seguidores

Fonte de apoio: https://www.wsj.com/

Edições: Espada de Miguel


Postagens Relacionadas:

Cristãos Evangélicos Sionistas e o seus ideais anticristãos

Bolsonaro e sua igreja ao Brasil – Filhos da perdição (666)

Negacionismo pandemico covid 19 – A doutrina da Morte !

Francisco – O Papa negro odiado pela nova ordem mundial